Sistema Educacional na Espanha

2
347

O Sistema Educacional na Espanha é regida pelo Ministério de Educação, porém as Administrações Regionais (as 17 Comunidades Autônomas) são as responsáveis em administrar e financiar os centros educacionais do país.

Se você pensa em vir pra Espanha com filho menor de idade, este artigo poderá lhe ajudar a sanar suas dúvidas, quer saber… Então vem comigo.

Período obrigatório e gratuito

Dentro do Sistema Educacional na Espanha o período obrigatório são de 10 anos, é gratuito, a criança entra aos 6 e termina aos 16 anos. É dividido em dois grupo, Primária e ESO ( Educação Secundaria Obrigatória).

O primeiro período, a Primaria é compreendido dos 6 aos 12 anos, composto por 6 anos de estudo passando por três ciclos:

PRIMEIRO CICLO: 1° ano e 2° ano

SEGUNDO CICLO: 3° ano e 4° ano

TERCEIRO CICLO: 5° ano e 6° ano

O segundo período, o ESO é compreendido dos 12 aos 16 anos, composto por 4 anos de estudo, passando por dois ciclos:

PRIMEIRO CICLO: 1° ESO e 2° ESO

SEGUNDO CICLO: 3° ESO e 4° ESO

Educação Infantil

Sistema Educacional na Espanha
Educação Infantil

A Educação Infantil da Espanha não é obrigatória, porém você dificilmente verá uma criança menor de 6 anos fora da escola. Eu mesma não conheço nenhuma.

Porém por um consenso geral dos pais e da sociedade, se estabelece a importância devido ao fato de que a criança que vai frequentar a educação infantil se socialize com seus colegas, desenvolve atividades de coordenação física e motora, psíquica, intelectual, além de, casos de pais estrangeiros, a criança desenvolve mais facilmente o novo idioma.

Essa categoria se divide em dois grupos:

Dos 0 aos 3: a criança fica na creche (guarderia). Elas são pagas, há alguns lugares que se consegue gratuito, mas são bem poucas as opções.

  • Dos 3 aos 6: é ofertado gratuitamente por lei, mas as vagas são mais disputadas. O normal é buscar uma escola particular ou as concertadas (mais adiante explicarei).

Agora se você decidir não colocar o seu filho em nenhum centro de educação principalmente a partir dos 3 anos até os 6 anos de idade, terá que se acostumar a ouvir a mesma pergunta sempre que sair com a criança na rua… como por exemplo: Essa criança não vai pra escola? Ou… por que essa criança não está na escola? Sinceramente, digo a você, haja paciência.

Nessa questão somos muitos parecidos, brasileiros e espanhóis, estamos sempre querendo cuidar da vida dos outros.

Horário das aulas

De modo geral as crianças passam 8 horas na escola, período que vai das 9:00 às 17:00, sem contar o horários de recebimento e entrega ou atividades extra curriculares (opcionais), que já se ampliaria um pouco mais dependendo de cada caso.

As escolas começam a receber os alunos normalmente 1 hora antes do início das aulas e as atividades extra curriculares são pagas e acontecem após o horário de término.

Horário de almoço

Sistema Educacional na Espanha
Horário do almoço

Dentro desse período, os pais podem escolher se querem ou não que seu filho almoce na escola. Em caso de não querer, os pais terão um tempo de duas horas em media para buscá-lo e levá-lo para casa e dar o almoço e depois retorná-lo ao centro educacional. Agora se decidirem que seu filho almoce na escola, terão que pagar uma taxa para cobrir as despesas de alimentação, independentemente se o sistema é público, particular ou concertado.

Bachillerato

Quando o adolescente termina o período obrigatório, caso ele queira seguir os estudos (a maioria o quer), ele poderá fazer o Bachillerato. Em vias de regra, é uma extensão da Educação Secundaria, lembrando que não é obrigatório. Dentro do curso, o aluno poderá optar pelo seguintes cursos:

  • Ciencia e Tecnologia
  • Artes
  • Humanidades e Ciencias Sociales.

São dois anos de estudo, que vai dos 16 aos 18 anos. Nele o aluno se prepara para cursar uma carreira universitária superior.

Formação Profissional

O sistema educacional na Espanha dá outra opção ao aluno que deseja seguir com os estudos, mas não quer fazer uma faculdade, é fazer uma curso profissional (FP) que poderá ser de grau médio ou grau superior.

  • Grau Médio o aluno faz após completar os quatro ano do ESO aos 16 anos.
  • Grau Superior, o aluno nesse caso, tem que passar antes pelo bachillerato, para depois poder cursar esse curso, já com 18 anos e ao terminar, se ele ainda quiser, poderá entrar na universidade com a vantagem de não precisar realizar o vestibular.

Tipos de Escola no Sistema Educacional na Espanha

Sistema Educacional na Espanha
Tipos de escolas

No Brasil basicamente existem dois tipos de escola, a pública e a privada. Na Espanha além desses dois modelos há também a que chamamos de concertadas.

Os centros públicos são totalmente financiados pelo governo espanhol, algumas escolas a compra dos livros didáticos ficam a cargos dos pais.

Os centros privados são financiados pelos pais dos alunos.

O centro concertados são pagos pelos pais, mas a escola recebe uma ajuda financeira do governo, tornando mais acessíveis as mensalidades se comparar com as escolas privadas, muitas delas pertence a Igreja.

Qualidade no Ensino

O Sistema Educacional na Espanha em questão de qualidade no ensino, já adianto que são bem melhores que a nossa. Em primeiro lugar vem as Privadas, seguidas das Concertadas e por último as Públicas,(claro que há exceções).

Período Letivo

O período letivo se diferencia do nosso. As aulas começam na primeira semana de Setembro início do outono europeu e termina por volta da terceira semana de Junho no início do verão .

Férias, mini férias e feriados.

Sistema Educacional na Espanha
Férias escolares

O Sitema Educacional na Espanha oferta aos alunos os meses de Júlio e Agosto inteiros de férias, as de verão. Também são agraciados com as mini férias de Natal/Ano Novo/Reis, por volta de 20 dias, Semana Santa mais uns 10 dias e os feriados que alguns ainda vem com os recessos ( los puentes).

Para terminar…

Dica de ouro

  • Dica 1: quando o seu filho entrar no período obrigatório aos 6 anos, caso você tenha alguma preferência por uma escola normalmente pública ou concertada (as particulares não costuma ocorrer), você tem que residir no mesmo bairro, caso contrário encontrará dificuldades em matricular o seu filho ali. Isso porque crianças que moram na mesma localidade do centro de educação, tem prioridade nas vagas.
  • Dica 2: a criança que fez todo ou parcialmente o período da Educação Infantil e/ou se a fizeram no mesmo bairro, tem preferencias nos centros de Educação da localidade. É uma serie de pontos que se vai acumulando para se obter preferências.

Espero ter esclarecido suas dúvidas sobre o Sistema Educacional na Espanha.

Se gostou desse post, compartilha na suas redes sociais e comenta aqui embaixo.

  • Leopoldo

    Muito interessante, bem informativo

    • Fico feliz que tenha gostado e que lhe tenha sido útil